julho de 2015

Na oposição
O presidente da Câmara, Eduardo Cunha, anunciou sua decisão pessoal de romper com o governo da presidente Dilma Rousseff, do PT e do seu próprio partido, o PMDB.